Cidades de Papel nos mostra mais uma adaptação de livro coerente

Sinopse do filme: A história é centrada em Quentin Jacobsen (Nat Wolff) e sua enigmática vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman (Cara Delevingne). Ele nutre uma paixão platônica por ela. E não pensa duas vezes quando a menina invade seu quarto propondo qu
e ele participe de um engenhoso plano de vingança. 



Mas, depois da noite de aventura, Margo desaparece – não sem deixar pistas sobre o seu paradeiro. Mais sobre o filme: Cidades de Papel 



A nova adaptação do John Green que tem como diretor Jake Schreier tem como público os adolescentes. Sabemos que criar um filme de acordo como é no livro não é a coisa mais fácil, e isso não deixa Cidades de Papel aquele filme cansativo de ver porque não está tão fiel, o filme trouxe muitas surpresas para os fãs.

O conteúdo do livro teve que ser reduzido para produzir o filme - pois livro é sempre bem mais detalhista -, mas isso não prejudicou a forma de andar do filme. Aconteceu algumas modificações mas deixou a história dos personagens bem mantida. 


O livro não é muito o romance conveniente. Sabemos que o Green não gosta de finais muitos "óbvios", e até os clichês dele são bem diferentes. O filme traz aquele pitada que todos os livros dele têm, o amadurecimento, e neste não é diferente. 

Para quem não leu o livro é uma boa oportunidade de conferir este filme. 

Crítica montada por: Eduardo e produzida por Karina ArãoObrigado Karina! 


Nota para o filme: 8.1 
Cidades de Papel nos mostra mais uma adaptação de livro coerente Cidades de Papel nos mostra mais uma adaptação de livro coerente Reviewed by Sérienema on domingo, julho 12, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.